Janeiro – Resenha de “Paper Wife”

Nome do livro: Paper Wife

Autor(a): Laila Ibrahim

Publicado: Outubro de 2018

Editora: Lake Union Publishing

Linguas disponives: Só em Inglês (por enquanto)

Ler um drama.

Muito difícil para mim. Sinceramente. Mas… a verdade é que, foi muito difícil não me apaixonar por Mei Ling. Me vi simplesmente querendo arrancar ela de cada situação.

O ano é de 1923 e a história é contada em terceira pessoa onisciente. A família de Mei Ling, viviam na Provincia de Guangdong e devido a Revolução Chinesa, sofriam por causa das guerras, fome e pestes.

A única forma que Mah-ma e Fuchan – os pais dela – pensaram em fazer foi casar a filha mais velha Jah Jeh, em uma tentativa para que todos tivessem uma chance de vida melhor.

A história começa com um encontro com a Matchmaker (a casamenteira). Ela explica sua proposta e apesar do desconforto de saber que Jah Jeh teria que se passar por outra pessoa e se mudar para os EUA, aceitam.

No dia do casamento, Jah Jeh fica muito doente a ponto de, para surpresa e infelicidade de Mei Ling, a casamenteira propor que Mei Ling tome o lugar de sua irmã no casamento.

A escritora apresenta um pouco da história de cada um dos personagens sem tirar o foco completamente de Mei Ling. E o legal é que você acaba levando essas lembranças junto com ela durante o percurso da história, dando uma sensação de uma lembrança antiga, o sentimento de saudade.

A jovem família viaja a navio para os Estados Unidos. Mei Ling com um nome diferente, um marido misterioso, e madrasta do filho dele de dois anos, rumo a um destino inesperado e surpreendente.

Durante a viajem ela conhece Siew, uma menina de seis anos que mexe com suas emoções, depois de descobrir que ela seria dada como prostituta quando viesse a idade. Mei Ling se sente na obrigação de ajudá-la a todo custo.

O ambiente, a descrição da cidade, a forma como ela trata imigração e até quando ela fala sobre a prostituição, são embriagantes e vívidos. Muitas vezes senti meu estomago embrulhar com cada situação dessa menina, e muitas outras vezes não consegui deixar de me emocionar com o livro.

Apesar da Mei Ling ser uma personagem completa e muito amável, meu personagem favorito é o marido dela Chinn Kai Li. Um homem calado, misterioso, mas… então… Vocês têm que ler a história porque o que não quero fazer aqui é spolar. hahaha

Esses são meus pensamentos a respeito do primeiro livro do meu desafio de leitura! No próximo post mostrarei um pouco sobre o gênero Drama e suas características.

Já estou lendo o segundo!

Até a próxima!

Autor:

Amo ler, escrever, editar, traduzir, ensinar! Minha paixao e minha familia e sonho um dia em estar entre os 10 livros mais lidos do mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s